A materialização do pensamento crítico na produção de documentos técnicos do Serviço Social

SKU: a0ce4fd02f22 Categoria:

R$165,00

A questão da instrumentalidade é central no Serviço Social e alinhada a ela, também é, a produção documental da profissão. Em tese na base da formação, a graduação, se deveria reunir conhecimento para potenciar a atuação profissional.E, dado que a produção de documentos profissionais é inerente ao trabalho profissional, deveriam estar seguros do que escrever e principalmente do como escrever. Mas não é isso que acontece. Blogs e cursos rápidos sobre relatórios e produção documental, se avolumam por que há uma necessidade não atendida desse conteúdo na graduação. Mas as exigências não param de chegar. A presente obra diferente de tudo o que você já viu e leu, dá conta dessa lacuna. As três organizadoras, montaram um time de profissionais, convidados por sua expertise, para responder por conteúdos que são essenciais mas cujas perguntas nem sempre chegam a ser feitas, dado o pragmatismo em que estão comprimidos os assistentes sociais. Qual a relação entre o pensamento crítico e a produção documental do serviço social? Como posso orientar minha produção nessa perspectiva, alinhando-a à dialética-marxista? Além do agir crítico posso compor meus textos, análises e discursos com esse mesmo direcionamento? Mas com base em quê? Quais as consequências quando não consigo compor um relatório ou parecer guiado pela dialética e a práxis? Essas e outras perguntas inéditas são respondidas por meio de reflexões profundas, orientações substanciais e detalhamentos técnicos de formulários, relatórios, laudos e outros documentos solicitados aos assistentes sociais nas principais políticas sociais e agendas institucionais. Entre os convidados que escrevem na obra estão Hellington Couto, Victor Neves, Mauro Iasi, Ranieri Carli, Sarita Amaro, Thais Berberian, Reinaldo Nobre Pontes, Simone Sobral Sampaio e Robson de Oliveira. A obra vem prefaciada pelo ícone Prof. Vicente de Paula Faleiros. Seja bem vindo a esse best-seller! Live de lançamento imperdivel!

Pague parcelado sem cartão com Mercado Pago

Simulação de frete

Compartilhar no facebook
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Loading...

Descrição

A questão da instrumentalidade é central no Serviço Social e alinhada a ela, também é, a produção documental da profissão. Em tese na base da formação, a graduação, se deveria reunir conhecimento para potenciar a atuação profissional.E, dado que a produção de documentos profissionais é inerente ao trabalho profissional, deveriam estar seguros do que escrever e principalmente do como escrever. Mas não é isso que acontece. Blogs e cursos rápidos sobre relatórios e produção documental, se avolumam por que há uma necessidade não atendida desse conteúdo na graduação. Mas as exigências não param de chegar. A presente obra diferente de tudo o que você já viu e leu, dá conta dessa lacuna. As três organizadoras, montaram um time de profissionais, convidados por sua expertise, para responder por conteúdos que são essenciais mas cujas perguntas nem sempre chegam a ser feitas, dado o pragmatismo em que estão comprimidos os assistentes sociais. Qual a relação entre o pensamento crítico e a produção documental do serviço social? Como posso orientar minha produção nessa perspectiva, alinhando-a à dialética-marxista? Além do agir crítico posso compor meus textos, análises e discursos com esse mesmo direcionamento? Mas com base em quê? Quais as consequências quando não consigo compor um relatório ou parecer guiado pela dialética e a práxis? Essas e outras perguntas inéditas são respondidas por meio de reflexões profundas, orientações substanciais e detalhamentos técnicos de formulários, relatórios, laudos e outros documentos solicitados aos assistentes sociais nas principais políticas sociais e agendas institucionais. Entre os convidados que escrevem na obra estão Hellington Couto, Victor Neves, Mauro Iasi, Ranieri Carli, Sarita Amaro, Thais Berberian, Reinaldo Nobre Pontes, Simone Sobral Sampaio e Robson de Oliveira. A obra vem prefaciada pelo ícone Prof. Vicente de Paula Faleiros. Seja bem vindo a esse best-seller! Live de lançamento imperdivel!

Informação adicional

Peso 875 g
Dimensões 24 × 18 × 5 cm
Ano

Autor

Edição

1ª Edição

Editora

Nova Práxis Editorial

Páginas

744

ISBN

978-65-86102-46-8

Não vá embora... você é muito importante para nós!

CADASTRE-SE:

Benefícios Exclusivos:

Nós usamos cookies - os cookies nos informam quais partes do nosso site você visitou, nos ajudam a medir a eficácia dos anúncios e pesquisas na web, bem como nos fornecem informações sobre o comportamento do usuário, para que possamos melhorar nossas comunicações e produtos.